segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Resenha: Ameaça Mortal

Olá pessoas lindas, como vocês estão? Espero que bem!
Desculpem meu sumiço, mas final de ano é aquela correria e eu me mudei \õ/ casa nova, ano novo, melhor coisa da vida não é mesmo? E quando se junta leitura nisso, fica melhor ainda, não é? A Arqueiro me deu está ótima oportunidade, me mandando um livro para resenha. Ameça Mortal, do James Patterson!

Sinopse: Os filhos do presidente dos Estados Unidos estudam no Branaff, um dos melhores colégios de Washington, e contam com proteção em tempo integral. Ainda assim, num ato de ousadia, criminosos enganam os agentes do Serviço Secreto e desaparecem com Ethan e Zoe Coyle.

Sem aceitar a participação da Polícia Metropolitana no caso, o FBI e o Serviço Secreto assumem as investigações. No entanto, atendendo a um pedido especial da primeira-dama, acabam convidando o detetive Alex Cross por sua experiência com sequestros.

Em meio às investigações, a Inteligência americana descobre que um grupo terrorista saudita está planejando vários ataques em território nacional. A sabotagem da rede de fornecimento de água e o atentado contra a comitiva do secretário de Estado põem a capital em alerta, além de levantar a suspeita de que esses atos possam ter ligação com o sequestro de Ethan e Zoe.

Trabalhando em conjunto com o FBI, a CIA e outras agências do governo, Alex Cross precisa agir rápido. Com a ajuda dos colegas Ned Mahoney e John Sampson, ele começa uma corrida contra o tempo para encontrar os filhos do presidente e impedir que novos atentados coloquem o país em risco.

Resenha:

Hoje eu vou ser direta e objetiva, quero resenhar logo está resenha para vocês, por que faz um tempinho que terminei de lê ele. Como foi o primeiro livro que li do James, não sabia o que eu esperava, não podia contar muita coisa, afinal todos falam super bem da escrita dele, mais sabe quando você vai com muita sede ao pote, e pode sei lá acabar se decpicionando? Isso poderia acontecer, afinal sou previsivel.

Mas não aconteceu, a escrita, a narrativa me envolveu tanto, que apesar de ter tantos capitulos, a estória para mim foi curta, e chegando no final queria mais, e como eu nunca consigo descobrir quem é a pessoa por trás dos crimes, é um dilema que ainda terei que correr atrás para descobrir. James inovou mais um conceito para mim de policiais bonzinhos, uma que eu já adoro, mas o jeito de ver outras coisas do Alex, mexeu comigo, e para falar, é um dos meus personagens preferidos de policiais também.

A estória consiste em o rapto dos filhos do presidente. Quem poderia ter feito isso? Quem poderia querer tanto que eles sofressem? Querer dar um "castigo" no proprio presidente? Alguém que sofreu e passou pelas mesmas coisas, será que assim iria ensinar ao governo como funciona o sistema? E ao mesmo tempo, o pais está sofrendo grande ameça, alguém está tentando fazer um atentado terrorista. Juntando tudo isso, e mais um problema de familia, Alex se vê numa situação complica e estressante, querendo a todo custo salvar os filhos do presidente.

Não vou dizer que a estória não mexeu comigo, pois estaria mentindo para vocês. Ela me conquistou, tanto o protagonista, como todos os personagens, não teve um que eu não fiquei com pena, ou com raiva, ou com odio. Quando isso acontece, percebo que entrei na estória, e que isso me conquista, um ponto para o James.

É envolvente, é de deixar qualquer um curioso, e querendo saber o final logo. Alex Cross chega querendo resolver o problema, e isso faz com que todos embarque na aventura. Adorei!


Esse livro é em parceria com a Arqueiro


Um comentário:

  1. gente eu odiei esse livro
    acei qe falto ita coisa, os capitulos muito curtos e pra mim o que mais li foi orgulho americano e terroristas
    mas enfim, ele é famoso por algum motivo, só que pra mim ele nao foi feliz como escritor
    talvez eu leia outro livro dele pra ver se gosto, mas esse definitivamente nao foi legal pra mim

    ResponderExcluir